O que estão falando sobre Cirurgia Plástica

As principais novidades da medicina estética

Dúvidas sobre Botox no Sempre Bela da TV Gazeta

6 Mar 2018

Leia aqui a entrevista completa feita pelo apresentadores Pamela Domingues e Sylvio Rezende, do Programa Sempre Bela, da TV Gazeta.:

 

"A toxina botulínica, ou botox como ficou conhecida, é essencial nos procedimentos estéticos hoje. Confira algumas dúvidas sobre este tratamento para não errar na hora de decidir.

 

Veja os prós e os contras da Toxina Botulínica

 

Dra. Priscilla: Sim. Em 48 a 72 horas, depois da aplicação, a gente já vê os efeitos da toxina botulínica.

 

 

 

Dra. Priscilla: Sim, podemos elevar o fim das sobrancelhas com a aplicação de toxina botulínica. Conseguimos proporcionar este efeito em determinados tipos de rosto, mas em alguns pacientes isso não é desejável. Depende muito da aplicação que foi feita e da vontade do paciente. Por exemplo, no homem, elevar demais as sobrancelhas demais, pode parecer esquisito e, as sombrancelhas podem ficar muito pontudas ou triangulares... A gente sempre busca equilibrar a dose para deixar o rosto da pessoa natural.

 

Sylvio Rezende: Há um tempo atrás eu fiz e levantou um chifrinho pontudo nas sobrancelhas. Dra. porque isso acontece?

 

Dra. Priscilla: Às vezes, precisa colocar uma dose um pouco maior na testa para equilibrar as sobrancelhas e não deixar nenhuma parte delas elevada demais. Desta forma esse efeito de chifrinho não aparece. 

 

Pamela Domingues: Dra. o que é a toxina botulínica, como ela funciona exatamente? Por que, às vezes, a toxina paralisa demais...

 

Dra Priscilla: As rugas se formam com os movimentos repetitivos diários de sorrir, falar, comer, piscar, levantar a sobrancelha, fazer cara de bravo. Tem pessoas que têm a ruga entre as sobrancelhas bem marcadas e isso pode aparentar raiva, braveza, nervoso, tensão e stress. quando utilizamos a toxina botulínica para tratar essa ruga, buscamos paralisar a nossa musculatura entre as sobrancelhas, para que a pessoa pare de fazer cara de brava e essa ruga seja amenizada, deixando o rosto dela mais feliz, calmo, amigável, descansado e bonito.  A dose necessária é calculada, você pode ou não paralisar completamente esse músculo de acordo com a dose usada. Equilibramos as doses para cada paciente, conforme sua necessidade e vontade também, a idéia é sempre buscar um resultado natural e bonito.

 

Pamela Domingues: Você consegue não só prevenir as rugas de expressão, mas também resolver as que já existem?

 

Dra Priscilla: Sim. Além de ser um tratamento de prevenção, também pode amenizar as rugas. Para isso, às vezes orientamos os pacientes a fazer as aplicações regularmente, por exemplo, a cada 6 meses.

 

Sylvio Rezende: A toxina botulínica é indicada a partir de qual idade?

 

Dra Priscilla: A gente vê muitos pacientes na faixa dos vinte anos procurando toxina botulínica.  A minha recomendação para esses pacientes mais jovens  é começar a fazer toxina botulínica a partir do momento que ele nota a ruga se formando (em geral, a primeira a aparecer são os pés de galinha). Não precisa usar antes da ruga começar a aparecer. Quando falamos que a toxina é preventiva na formação de rugas, não significa que pessoas jovens, ainda sem rugas, precisem fazer aplicações a cada 6 meses e, então, elas nunca terão rugas. 

Os jovens podem fazer as aplicações se elas gostam do resultado do tratamento. Mas para diminuir a formação de suas rugas, uma aplicação no ano, às vezes já é suficiente.

 

 

Sylvio Rezende: Mas muita gente fala que é bom começar cedo para prevenir. Então isso é lenda?

 

Dra. Priscilla: Eu acho que a partir do momento que a ruga começa a se formar, a gente vai começar a prevenir, tratá-la e evitar que ela piore.

 

Pamela Domingues: E essa aplicação é individual. Você vai dosar de acordo com o paciente?

 

Dra. Priscilla: Perfeito. Cada paciente tem uma dose, cada músculo tem uma dose específica, depende da força dele, depende da massa muscular.

 

Pamela Domingues: Quais são as regiões da face em que a toxina é mais aplicada?

 

Dra. Priscilla: No consultório, em geral a gente pede para as pacientes fazerem movimentos como cara de brava, para enrugar bem o centro da testa, pede para levantar a sobrancelha, para a pessoa sorrir, para marcar os pés de galinha, franzir o nariz, fechar os olhos com força... e vai marcando os pontinhos. (No programa a doutora mostra estes pontos no rosto de uma boneca).  Podemos aplicar o botox para arrebitar o nariz, além de marcar pontos acima dos lábios para corrigir as rugas conhecidas como código de barras e no cantinho da boca para que o sorriso não fique para baixo. Também podemos aplicar um pouco no queixo para amenizar alguma ruguinha e nas laterais do pescoço para fazer um efeito de lifting.

 

Sylvio Rezende: Dra., os homens precisam de mais quantidade de botox do que as mulheres?

 

Dra. Priscilla: Sim. Em geral, os homens têm o músculo da face mais forte do que os das mulheres e eles precisam de doses maiores. Um exemplo, se a mulher em média precisa de 50 unidades da substância, o homem vai precisar de 90 a 100 unidades. Praticamente o dobro.

 

 

 

 

Dra. Priscilla: Quando a toxina começou a ser utilizada, em 2005, 2006,  a gente via muito essa face congelada, inclusive nas celebridades. Mas isso é uma coisa que hoje aprendemos a evitar. As aplicações hoje são mais naturais, aprendemos a colocar nos pontos certos e conseguimos prefere melhor esses resultados. 

 

Pamela Domingues: E dói doutora?

 

Dra. Priscilla: A gente usa técnicas para disfarçar a dor, mas dói um pouquinho, é uma agulha pequenininha. É a mesma usada para quem tem diabetes e aplica insulina.

 

Pamela Domingues: Dói a picadinha, mas depois eu vou pra casa e não vou sentir dor nenhuma?

 

Dra. Priscilla: Em geral não, mas têm alguns efeitos colaterais imediatos. Alguns pacientes sentem dor de cabeça após a aplicação. Isso acontece particularmente depois da primeira vez que a pessoa passa pelo procedimento, as vezes pelo nervosismo. Pode também acontecer uma dor leve, que passa com analgésico, pode também ficar um roxinho.

 

Um efeito colateral grave que pode acontecer é a ptose palpebral. O paciente não abre o olho depois da aplicação. Ele paralisa a pápebra. Raro de acontecer, é passageiro e tem solução, mas pode ocorrer caso a toxina migre para pálpebra, por exemplo se a pessoa fizer massagem no rosto. 

 

Por isso é necessário respeitar os cuidados e as recomendações médicas: não pode abaixar a cabeça, não pode fazer atividade física no dia e não pode deitar completamente até 4 horas depois da aplicação para que a toxina não mude de lugar. Além de não poder massagear a área aplicada.

 

 

 

Sylvio Rezende: A toxina substitui a cirurgia plástica?

 

Dra. Priscilla: São indicações diferentes, mas a toxina muitas vezes complementa uma cirurgia plástica e sim, poderia substituir uma cirurgia plástica pra levantar a sobrancelha por exemplo. Pode adiar a cirurgia também, fazer com que a pessoa não precise de uma cirurgia tão cedo.

 

Sylvio Rezende: E o tempo de duração?

 

Dra. Priscilla: A toxina dura uma média de 4 meses. A partir do terceiro mês, começa a diminuir o efeito, o paciente nota que o músculo começa a mexer novamente. Muitas vezes a ruga não volta neste primeiro momento, vai aparecer posteriormente.

 

Pamela Domingues: Se eu não gostar e quiser fazer um retoque, eu posso?

 

Dra. Priscilla: Sim. A pessoa pode voltar em média, quinze dias depois para um retoque. A gente só não recomenda que a paciente faça por exemplo retoques todo mês, porque o organismo pode criar resistência e a substância pode não ter o mesmo efeito no futuro. 

 

Pamela Domingues: Quem faz com frequência, pode ter o risco de fazer o corpo desenvolver resistência ao botox e a substância perder o efeito?

 

Dra. Priscilla: Ele é um tratamento muito bom, tem esse resultado imediato que deixa a pessoa mais bonita, com um ar mais descansado e é por isso que as pessoas gostam muito e querem repetir com frequência. Respeitando as doses baixas e o intervalo a cada quatro a seis meses, em geral não vai ter problema.

 

Veja a reportagem completa do Programa SEMPRE BELA, da TV GAZETA, aqui.

 

ATENÇÃO: As informações deste artigo têm o objetivo de trazer a público questões médicas. Como recomenda a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBCP, escolha o cirurgião plástico de sua confiança para esclarecer suas dúvidas e fazer uma avaliação personalizada do seu caso.
 

 

 

 

  

 

 

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Destaques

Minha experiência com o Laser CO2 Fracionado Light

September 6, 2019

1/10
Please reload

Please reload

Siga-me
  • Facebook - Grey Circle
  • Instagram - cinza Círculo
Please reload

CRM/SP 100766

Cirurgiã plástica, graduada

pela USP, com residência em Cirurgia Plástica e Cosmiatria

 no Hospital das Clínicas da FMUSP

HOSPITAL 9 DE JULHO

Rua Peixoto Gomide, 263 

São Paulo - SP

Tel: (11) 3147-9430

 agendamento@h9j.com.br 

PARAÍSO

Rua Maria Figueiredo, 595, conj 63 

São Paulo, SP 04002-003

Tel:(11) 3050-6300

recepcao@ellasaude.com.br

HIGIENÓPOLIS

Rua Mato Grosso, 306, conj. 1602 

São Paulo, SP 01239-040

Tel:(11) 2114-6080

plotierzo@gmail.com 

© 2017 AC Assessoria de Comunicação

Priscilla Lotierzo é membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica

  • Grey Instagram Icon
  • Grey Facebook Icon
  • Doctoralia