O que estão falando sobre Cirurgia Plástica

As principais novidades da medicina estética

Você conhece o lipedema?

3 Apr 2019

 

Lipedema é uma condição que chega a afetar 1 em cada 10 mulheres. Isso mesmo, é muita gente!!! O principal sintoma são pernas grossas. Mesmo, estando magra ou dento de um peso adequado, a perna continua grossa. Muitas vezes, essa condição se confunde com obesidade.


Você tem? Conhece alguém que tem?


Já teve dificuldade para comprar botas, porque elas não fechavam no tornozelo?

Eu sim!


Sempre sofri com minhas pernas grossas... não entendia como mesmo magra ou perdendo peso, meu tornozelo continuava sempre gordinho, inchado... morria de vergonha quando era mais nova.

 

Muitas pacientes contam como é difícil comprar blusas, calças e sapatos, principalmente, botas. Pode ser que a cintura seja fina tamanho 40 e as pernas grossas, tamanho 44.

 

 

Infelizmente dieta e exercício não reduzem o lipedema, embora sejam importantes para diminuir o processo inflamatório.

 

O lipedema começa na adolescência e vai piorando ao longo da vida. A gordura vai se acumulando nas pernas, tornozelos, bumbum e, às vezes, também nos braços e antebraços. Com o passar dos anos, pode-se sentir dor, inchaços constantes e nódulos pequeninos de gordura. Quando apertamos a região, a pele se torna irregular, semelhante a uma celulite. A maior parte da comunidade médica ainda desconhece o problema.


A gordura do lipedema forma nódulos (pequenas bolinhas). Podemos sentir os nódulos ao passar a mão nas áreas afetadas e vê-los quando comprimimos a pele do local.

 

Com o passar dos anos, as áreas com lipedema podem ser dolorosas. A pele das pernas fica manchada, algumas vezes com coloração irregular e muitos vasinhos pequenos. Às vezes, vemos manchas nas pernas e a pele fica com aspecto de casca de laranja.

 

 

A LIPOLASER é uma arma poderosa contra o lipedema

 

A partir de 1980, a lipoaspiração passou a ser usada como tratamento e está ficando cada vez mais comum, principalmente na Europa. No entanto, a técnica usada é diferente da lipoaspiração comum. A lipolaser é específica para esse tipo de correção.


É importante consultar um cirurgião plástico da sua confiança para mais informações.

 

Se você se identificou com esse problema ou conhece alguém que pode se beneficiar desse post, REPASSE!  

 

ATENÇÃO: As informações deste artigo têm o objetivo de trazer a público questões médicas. Como recomenda a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBCP escolha o cirurgião plástico de sua confiança para esclarecer suas dúvidas e fazer uma avaliação personalizada do seu caso.

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Destaques

Minha experiência com o Laser CO2 Fracionado Light

September 6, 2019

1/10
Please reload

Please reload

Siga-me
  • Facebook - Grey Circle
  • Instagram - cinza Círculo
Please reload

CRM/SP 100766

Cirurgiã plástica, graduada

pela USP, com residência em Cirurgia Plástica e Cosmiatria

 no Hospital das Clínicas da FMUSP

HOSPITAL 9 DE JULHO

Rua Peixoto Gomide, 263 

São Paulo - SP

Tel: (11) 3147-9430

 agendamento@h9j.com.br 

PARAÍSO

Rua Maria Figueiredo, 595, conj 63 

São Paulo, SP 04002-003

Tel:(11) 3050-6300

recepcao@ellasaude.com.br

HIGIENÓPOLIS

Rua Mato Grosso, 306, conj. 1602 

São Paulo, SP 01239-040

Tel:(11) 2114-6080

plotierzo@gmail.com 

© 2017 AC Assessoria de Comunicação

Priscilla Lotierzo é membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica

  • Grey Instagram Icon
  • Grey Facebook Icon
  • Doctoralia